Pontos Próximos

  • USP Universidade de São Paulo

USP Universidade de São Paulo

Estamos situados a menos de 1km do portão de pedestres da vila indiana, garantindo fácil acesso á USP (Universidade de São Paulo) campus Capital-Cidade Universitária. Dentro da USP existe o serviço de ônibus circulares, gratuitos(para estudantes) e pontuais que podem te levar á qualquer uma das faculdades e centros internos á Cidade Universitária.

Oferecemos um serviço de Flat-Hotel próximo á USP (Universidade de São Paulo) de boa qualidade á um preço atraente. Segurança, Higiene e Conforto!

Condições especiais para grupos e empresas!

 

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A Universidade de São Paulo (USP) é uma das quatro universidades públicas mantidas pelo governo do estado brasileiro de São Paulo, junto com a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Universidade Estadual Paulista (UNESP) e a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp). É a maior universidade pública brasileira e a universidade mais importante do país,[9][10] da Ibero-América[11] e uma das melhores e mais prestigiadas do mundo.[12][13][14] A USP é uma das maiores instituições de ensino superior na América Latina. São 42 unidades de ensino e pesquisa, distribuídos em dez campi: São Paulo (com três campi), Bauru, Lorena, Piracicaba, Pirassununga, Ribeirão Preto, Santos e São Carlos. O campus principal em São Paulo[15] é chamado Cidade Universitária Armando de Salles Oliveira, com uma área de 7 443 770 metros quadrados. A instituição está envolvida no ensino, pesquisa e extensão universitária em todas as áreas do conhecimento. Somando todos os Campi, a USP possui um total de 246 cursos de graduação, 229 cursos de pós-graduação, 5,8 mil professores e 93 mil alunos matriculados entre graduação e pós-graduação (2012).

Segundo o relatório mundial de 2012 (SIR World Report) da SCImago Institutions Rankings, a USP está classificada na décima primeira posição mundial entre as 3 290 instituições de ensino e pesquisa internacionais classificadas.[16] No ano de 2012, de acordo com o University Ranking by Academic Performance (URAP),[17] a USP continua sendo a melhor universidade iberoamericana e está colocada na vigésima oitava posição no mundo. Em 2011–2012, o World University Rankings, publicado pela revista britânica Times Higher Education (THE), classificou a USP como a melhor universidade da América Latina, da Ibero-América e como a 158ª melhor do mundo.[18] Em 2012, a THE também apontou a instituição como uma das 70 universidades com melhor reputação no planeta,[10][19][20] e, em 2015, entre as 60 universidades.[21] De acordo com a Classificação Acadêmica das Universidades Mundiais (ARWU — sigla em inglês) de 2011, a USP está classificada entre as posições 102ª e 150ª entre as 500 universidades analisadas no mundo.[22] Em 2012, a universidade foi classificada pelo ranking Webometrics Ranking of World Universities como a primeira da América Latina e a décima quinta do mundo em exposição na internet.[23] Em 2013, segundo a classificação internacional QS World University Rankings, 26 cursos da USP aparecem entre os melhores do mundo[24] e, em 2015, é apontada como a primeira universidade da América Latina.[25] A THE classificou a instituição como a 10ª melhor universidade dos BRICS e de outros países em desenvolvimento, em 2015.[26] De acordo com o Center for World University Rankings (CWUR), em 2014 a USP ocupava a primeira posição de melhores universidades do país e a 131ª posição mundial.[27]

Entre as universidades públicas brasileiras, é aquela com o maior número de vagas de graduação e de pós-graduação, sendo responsável também pela formação do maior número de mestres e doutores do mundo,[28] bem como responsável por metade de toda a produção científica do estado de São Paulo e mais de 25% da brasileira.[29] Como o Brasil é responsável por cerca de 2% da produção científica mundial, pode-se dizer que a USP é responsável por 0,5% das pesquisas científicas do mundo.[28] Além disso, entre as pós-graduações no Brasil com conceitos 6 e 7 (os mais altos conceitos) da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Capes, 25% estão na USP, chegando à porcentagem de 55% se considerado apenas o território paulista.[30]

Criada em 1934, a contribuição desta universidade para a história brasileira é bastante relevante: na instituição se formaram no ensino superior treze dos quarenta e três presidentes brasileiros,[31][32] como o sociólogo Fernando Henrique Cardoso e o advogado Jânio Quadros — este último e outros dez apenas na Faculdade de Direito, que também formou 53 ministros na história do Supremo Tribunal Federal (STF)[33] e cuja fundação precede em 108 anos a da própria universidade.

Verifique no mapa abaixo á proximidade da localização de nosso Flat-Hotel em relação á USP (Universidade de São Paulo).